Os auxiliares bibliotecários terão, no próximo dia 12, segunda-feira, às 17h30, um compromisso importante no Paço Municipal: vamos mais uma vez reivindicar a equiparação salarial aos técnicos em biblioteconomia, em reunião marcada com o secretário de Gestão, Cacá Teixeira.

O cargo de técnico em biblioteconomia foi criado em 2012 e o concurso foi realizado em 2014. O governo sabe que não há diferença entre os trabalhos desenvolvidos nas bibliotecas pelos profissionais mais antigos e pelos que ingressaram mais recentemente no quadro. No entanto, os auxiliares ganham cerca de R$ 400,00 a menos quando comparados os salários brutos dos dois cargos.

O pleito é legítimo, mas falta vontade política!

A luta é parecida com a dos auxiliares de enfermagem, que com muita mobilização conquistaram, em 2012, a equiparação aos técnicos de enfermagem.

Essa é uma reivindicação já antiga e que vem sendo empurrada com a barriga pelo prefeito. Por isso, só com pressão e participação do maior número possível dos auxiliares bibliotecários o quadro vai mudar.

TRABALHOS IGUAIS, SALÁRIOS IGUAIS! SÓ A LUTA COLETIVA MUDA A VIDA!